INÍCIO    SOBRE    NA MÍDIA    CONTATO    ANUNCIE
[pbsn type="twitter"] [pbsn type="pinterest"]
Mãe com filho doente…

Mãe Com Filho Doente

Essa semana começou péssima por aqui. O Ben com febre alta, sem comer e no maior chororô.

Mães sofrem, não? Eu evito ao máximo postar coisas relacionadas a saúde dele por vários motivos:

Primeiro que geralmente não é nada de grave, então não vejo porque ficar preocupando tantas pessoas que não nos conhecem pessoalmente, mas nos acompanham e nos adoram virtualmente.

Segundo porque é só eu postar algo no instagram e facebook que meu celular não pára mais! Minha vó, minha mãe, minha sogra, meu irmão… todo mundo fica preocupado e começa a me ligar e embora eu os entenda, tenho que gastar meia hora com cada um deles explicando o que aconteceu, o que o Ben tem e se eu já não gosto de falar no telefone normalmente imagine quando estou ocupada com o filho doente!!!

Bom, mas desta vez não teve jeito… Eu não postei nadinha na segunda, estava ocupada e cheia de coisas a resolver, além de cansada por ter trabalhado no sábado e no domingo. Na terça as coisas com o Ben pioraram e eu tive que postar!

A photo posted by Leticia DREAM Baby (@leticiadreambaby) on

Quando a gente tem um blog e compartilha nossa vida isso se torna quase que uma terapia, o apoio das outras mães nos ajuda a ter calma e esperança nos momentos difíceis. Então resolvi tornar pública minha preocupação e o quadro de saúde do Ben. 

A photo posted by Leticia DREAM Baby (@leticiadreambaby) on

Pra quem não acompanhou nas redes sociais, foi assim que a coisa toda aconteceu…

Segunda-feira:

O Ben estava ótimo. Foi para a escola e voltou sem apresentar qualquer sinal de gripe ou febre.

Terça-feira:

O Ben acordou por volta das 6h da manhã chorando, dizendo estar com muita dor no pescoço, mostrando a garganta (frente) e também a nuca (atrás). Estava com febre (por volta de 38,5) e não quis nem tomar mamadeira.

A princípio, ele iria para a escola e eu iria para um evento, mas vi que ele realmente estava indisposto e precisava da minha atenção então resolvi cancelar escola e meu evento e ficar com ele.

Liguei para o pediatra, mas infelizmente não tinha como ele nos encaixar no mesmo dia, marquei consulta para o dia seguinte de manhã.

Como a febre não baixou com medicação e ele continuava se queixando de dor no pescoço, por via das dúvidas, decidi que era melhor levá-lo ao PS do Hospital Infantil Sabará.

Saímos de casa por volta das 10h30 e cheguei ao Sabará às 12h00. Muito trânsito, mesmo com os caminhos malucos feitos pelo Waze!

Passamos pela triagem (ele foi medicado para febre) e fomos informados de que demoraria mais 2 horas para sermos atendidos.

Depois do exame clínico a pediatra do Sabará descartou a possibilidade de meningite já que ele conseguia mover o pescoço e toda a coluna sem dores.

Ele foi diagnosticado com Amigdalite Aguda e um antibiótico foi receitado.

Saímos do hospital por volta das 3h da tarde e fomos almoçar ali pertinho, ainda bem que ele aceitou comer arroz, feijão e carne.

Quando chegamos em casa, por volta das 5h30 da tarde consegui falar com o pediatra dele pelo telefone. O pediatra me perguntou se havia pus na garganta e como não havia nada ele achou mais prudente esperar até o dia seguinte para realizar um exame de pesquisa de Streptococcus grupo A (bactéria que causa infecção na garganta e nas amígdalas e que também pode causar Escarlatina) e então começar o antibiótico só com o diagnóstico confirmado (para não mascarar uma possível meningite ou alguma outra doença).

Preferi confiar na opinião do pediatra do Ben e aguardar até o dia seguinte.

Quarta-feira:

A noite foi longa, a febre não baixou nem com medicação, nem com Keep Kool, nem com banho morno! Eu e meu marido praticamente não dormimos. (Ainda bem que meu marido é um pai super dedicado e me ajuda em todos os momentos!)

O Ben acordou com manchas vermelhas (discretas) espalhadas pelo corpo.

Fomos para a consulta com o pediatra às 10h30 e o Ben ainda estava com 39,0 de febre.

 O Dr. Augusto concordou com o diagnóstico da pediatra do Sabará, mas preferiu não descartar totalmente a possibilidade de meningite já que o Ben estava pelo segundo dia reclamando de dor na nuca.

Fomos encaminhados para o Einstein pare realizar o exame de Pesquisa de Streptococcus e ver se havia mesmo essa bactéria na garganta dele.

O teste deu positivo. Nunca pensei que ficaria feliz com um resultado positivo de Streptococcus, mas as coisas poderiam ter sido piores… dos males o menor!

Começamos com o antibiótico e agora é torcer pela rápida recuperação do Ben!!!

Este é o quadro até o momento, pra falar a verdade ainda não estou me sentindo segura e tranquila. Estou tensa e observando para ver se não aparece mais nenhum sintoma…

Mãe com filho doente é assim mesmo, eu chego a ficar até com dor de cabeça e dores nos ombros de tanta tensão. Não tem jeito! Assim que algo mudar eu os mantenho informados pelo instagram e pelo facebook!

Obrigada a todos que deixaram mensagens torcendo pela rápida melhora do Ben! ♥

novembro 12, 2014    POR: Leticia Dantas
Desabafos, Mamães
[pbsn type="twitter"] [pbsn type="pinterest"]



Meninas adoro seus comentários, participem.




POSTS POPULARES


  • Quarto do Jake Disney Junior
  • Olive Garden chega ao Brasil
  • Beleza de mãe, tia, avó…
  • Meu Baby Dove Personalizado