INÍCIO    SOBRE    NA MÍDIA    CONTATO    ANUNCIE
[pbsn type="twitter"] [pbsn type="pinterest"]
ALS Ice Bucket Challenge

ALS Ice Bucket Challenge

Impossível existir alguém que não esteja sabendo do ALS Ice Bucket Challenge.

A primeira vez que eu vi um vídeo desses foi em 17 de Agosto, quando meu amigo Bryan Horetz postou seu banho de água gelada em seu facebook. Pensei: Que que é issooooo??? Hahahaha… Na hora não dei muita bola, achei que era alguma brincadeira qualquer de americanos, eu nem sabia o que era ALS.

Pra quem não sabe, ALS é a sigla para Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), uma doença degenerativa do sistema nervoso que leva à paralisia motora progressiva, irreversível. É uma doença rara e que até o momento não há cura. Por isso, receber este diagnóstico é como “levar um balde de água fria” e assim que surgiu a analogia e a campanha, segundo explicou Élica Fernandes Campos, gerente executiva e social da Associação Brasileira de Esclerose Amiotrófica.

Bem, um dia depois recebi o vídeo do meu irmão (que é noivo da irmã do Bryan) me desafiando e aí a coisa toda já estava viral aqui no Brasil. Eu já tinha visto inúmeras celebridades postando seus vídeos no facebook e no instagram… Luciano Huck, atores globais, ídolos do futebol…

A primeira coisa que pensei foi: Puxa! Que campanha legal! Todo mundo está divulgando a ALS / ELA!!! Até que, algumas horas depois e milhões de adeptos depois, comecei a perceber que a coisa perdeu o rumo.

Quando alguma pessoa ou empresa cria algo viral a coisa sai do controle… Ninguém estava mais seguindo as regras do desafio, era balde sem gelo, gelo sem balde, água morna, balde meio vazio… Eu confesso que sou uma pessoa que gosta de regras! Mas o que importa? Vamos pensar no que REALMENTE IMPORTA: Divulgar a ALS /ELA e arrecadar dinheiro para ajudar a ALS Association, certo?

Ok, vou entrar nessa! – pensei.

O que passa pela cabeça de quem resolve embarcar numa campanha destas? “Vou me preparar para um balde de água com gelo e claro que farei minha doação também, porque senão vão reclamar que eu não ajudei…” Ooops… Doação é algo que você faz de coração ou por obrigação?! Ah, sim… Porque QUEREMOS ajudar, de coração. Lembrem-se sempre disto.

Aí o humorista Rafinha Bastos postou um vídeo supostamente do desafio, mas falando que na casa dele não tinha água, alfinetando políticos e todo mundo começou a falar que estávamos desperdiçando LITROS  de água a toa numa campanha que era uma palhaçada.

Calma lá… Eu tenho certeza que 90% das pessoas que reclamaram disso NÃO doaram 1 centavo para a ALS Association, NÃO ajudam nenhuma instituição e NÃO economizam água em suas casas como bons cidadãos que pregam ser nas redes sociais. Você quer economizar água? Feche a torneira ao escovar os dentes, tome banhos mais curtos e conscientes, enfim, tem inúmeras medidas que ajudam esta ouuuutraaaa campanha (não menos importante).

Eu, Letícia Dantas, já ajudei diversas vezes, várias causas diferentes, ajudei com dinheiro, ajudei com meu tempo, ajudei com ações que eu mesma promovi. O FATO é que quem ajuda não precisa ficar estampando a sua ajuda por aí, mas NESTE caso é diferente.

Neste caso você ajuda sim e EXPÕE sua ajuda, seja na divulgação do seu vídeo (nem todo mundo pode doar, sabia?) ou na doação em si.

Celebridades estão fazendo isso por autopromoção? E daí? Isso não faz da campanha (que é séria) menos importante.

Por isso, depois de muito pensar e repensar sobre o Desafio do Balde de Gelo da ELA (sem gelo na maioria dos vídeos brasileiros) eu decidi que seguiria a regra oficial da ALS Association e faria minha DOAÇÃO.

A ideia original era propor algo “ruim”, como tomar um banho de balde cheio de água com gelo, para quem NÃO fizesse a doação. O original eram 100 dólares, mas cada pessoa pode doar quanto puder e quiser.

O que eu quero propor com esse post é só uma coisa: Vamos PARAR de reclamar da atitude dos outros? Vamos PARAR de julgar as celebridades que doaram ou que não doaram e vamos pensar no que NÓS podemos fazer?

Você achou divertido e aderiu? Parabéns, além de divulgar a ALS você deu risada, o que faz bem tanto para você como para os outros ao seu redor. Você não doou? Tudo bem, talvez você repense e faça sua doação agora. Você está apertado de grana no momento e não pode doar? Tudo bem também… Como falei, ninguém é obrigado a doar.

Precisamos parar um pouquinho de apontar o dedo pro outro e pensar no que podemos fazer.

ALS Donation

Eu fui desafiada, eu ESCOLHI doar. Talvez minha atitude inspire alguém.. Alguém como você.

agosto 21, 2014    POR: Leticia Dantas
Mais
[pbsn type="twitter"] [pbsn type="pinterest"]



Marcellinha
agosto 21, 2014

Parabéns, você é uma pessoa muito especial!

Janaina
agosto 21, 2014

Solidariedade é algo difícil de encontrar, todo mundo querendo chamar a atenção mas ninguém ajuda de verdade.
Parabéns Lê!

maechic.com
agosto 22, 2014

Com certeza o melhor post de todos os tempos! Parabéns!

Rita
agosto 22, 2014

Eu acho você uma pessoa incrível. Amável e uma mãe dedicada. Parabéns!!!

Elaine Violini
agosto 23, 2014

Parabéns Letícia, texto super coerente e explicativo. Vi pela primeira vez, através de uma amiga que mora em Boston, depois assisti reportagens pela TV, aderi aos desafios em redes sociais, não fomos desafiados, mas fizemos a doação. Acreditamos muito em projetos sociais em casa, e lideramos um há mais de 20 anos.
Beijos




POSTS POPULARES


  • Quarto do Jake Disney Junior
  • Olive Garden chega ao Brasil
  • Pijamas Personalizados
  • Beleza de mãe, tia, avó…